domingo, 3 de abril de 2016

Esquema para Montar cabo serial com e sem Max232 ttl converter

Algumas vezes os projetos eletrônicos possuem orçamento apertado e você não pode gastar com um conversor MAX 232. Aqui estão algumas alternativas.
Normalmente nós usamos um circuito com MAX 232 como esse:
RS232_adapter.PNG
O MAX 232 é um circuito integrado conversor de nível, que converte sinais TTL em RS232 e virse-versa. Ele fornece uma ótima rejeição de ruído e é mais robusto à descargas e curtos. Se o seu projeto for mais avançado, você deve utilizar um CI especializado para esta tarefa. No entanto, soluções especializadas são mais caras que as outras.
Este é um exemplo de circuito com transistor para executar a tarefa de conversão:
interface_schematic.gif
Os transistores podem ser todos de uso geral. Este circuito é muito simples e trabalhar sem problemas. É a solução mais barata, pois requer apenas um par de transistor e quatro resistores. Os dois transistores executam um truque para ter a tensão negativa necessária por alguns PCs. Quando o PC não transmite dados, seu pino TX está com uma tensão negativa. A tensão negativa presente é então trazida através do resistor R3 ao pino RD (recepção) do PC. Alternativamente, RS232 pode ser conseguido utilizando portas lógicas. Isto é acessível quando sua aplicação já está utilizando elementos lógicos e há portas sobreando em algum CI. Como alguns PCs trabalhar bem apenas com tensões positivas, tudo que nós precisamos é inverter a lógica do sinal e para isso utilizamos as portas lógicas. Por exemplo, utilizando o CI CMOS CD4066B:
interface_4066.gif
E, é claro, utilizando circuitos NAND e NOR:
interface_4001.gif
interface_4011.gif

E não se esqueça de alimentar os CI’s com 5V.

Versão em português por Eletronica.org.


Conversor RS232 a TTL sin MAX232

Todos sabemos que a la hora de conectar un PIC a la PC utilizar el MAX232 es el paso mas directo y fácil. Sólo cinco capacitores y éste integrado estará funcionando bien. Pero tomando en cuenta que hoy por hoy un MAX232 puede salirnos incluso mas caro que el mismísimo PICmicro decidimos desarrollar una alternativa válida que lo reemplace.

El circuito de arriba utiliza la propia corriente del puerto COM de la PC para generar los símbolos del RS232. Los pines marcados como TxD, RxD y Gnd corresponden al conector RS232 de la PC (ver conexionado) mientras que los pines marcados como RD y TD van directamente a microcontrolador. Podemos observar el pinout de los transistores.
Este tipo de interface es muy vista en mouses o elementos de control de punteo en PC. Los puntos de alimentación son de 5V (los mismos que del micro).

Pesquisar este blog